sexta-feira, 9 de julho de 2010

ALMA E CORPO




A alma que se abre neste momento,
É a paisagem de uma palavra escrita.
Condenada pelo tempero do corpo,
Com sabor das grades de uma vida.
Nesta metamorfose um porto:
– Meu porto é a esperança do corpo
                            [abandonar a solidão.
Ao conseguir, o que é certo que vou
Pegarei as chaves e ficará o coração.
Mergulharei na fealdade desta cela,
Emaranhada pela beleza deste mar.
Quanto à alma:
– Este será um dia de glória!
Guardarei este retrato para enfeitar
                         [as paredes desta vida.
A cada olhar, uma recordação...
E o nascimento da poesia escrita.

Marcela Barreto

47 comentários:

  1. No profundo de nossas almas.
    Nos receios de as libertar,
    Mora um desejo de se enxergar.
    Elas sempre vão em partes nas falas.
    Mesmo escondidas atrás de ironias.
    Mostrando para quem conseguir.
    Tudo que, dentro de nós, puder existir.

    Até mais, Marcela!
    Beijos.

    Obs: Será que consegui ser o primeiro? hehe

    ResponderExcluir
  2. amei o texto!
    "A cada olhar, uma recordação...
    E o nascimento da poesia escrita."
    Perfeito!
    q vc olhe o mundo ao seu redor tenha mtas recordaçoes, e surjam mtas e belas poesias!
    amei os textos aqui!
    parabens pelo blog!
    seguindo vc!

    ResponderExcluir
  3. aaahh estou colocando o link do seu blog no meu!
    não consegui copiar o codigo do seu banner hehe...
    mais o link ta lá...
    veja
    http://www.trilhassonoras.cz.cc/
    até mais!

    ResponderExcluir
  4. alma e corpo, uma "dupla" inseparável. elementos que se bem compreendidos tranformam a vida de qualquer pessoa.

    gostaria de agradecer pela indicação "o teatro mágico". não conhecia e logo na primeira música no youtube me apaixonei. "ana e o mar"... linda canção.
    abraços
    fabiano

    ResponderExcluir
  5. parabéns.
    Bem profundo, bem bacana o texto.
    principalmente, a parte q fala " guardei este retrato prar enfeitar as paredes da vida"
    .

    ResponderExcluir
  6. lINDO O TEXTO, PRINCIPALMENTE O ULTIMO PARAGRAFO...
    SHOOW!

    ResponderExcluir
  7. caramba... arrazou! texto maravilhoso.

    ResponderExcluir
  8. Muito bom o texto.
    Desejo incondicional sucesso do seu blog.
    Seguindo Você! (sou do blog Mr. Valentino)
    Parabéns, e belas palavras.

    ResponderExcluir
  9. muito bom o texto Parabens...

    http://clique-dawloads.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. gostei do poema, traz um que de triste e racional ao msm tempo.

    ResponderExcluir
  11. olha eu aqui denovo...
    hehe
    so estou passando p te dizer q tem dois selos p vc la no eu blog:
    passe por e pegue eles! hehe
    http://www.trilhassonoras.cz.cc/2010/07/premio-dardos-selo-sunshine.html

    até mais!

    ResponderExcluir
  12. Que lindo Marcela! A poesia nos traz pensamentos incríveis e você conseguiu atingir esse ponto. Meus parabéns!

    -

    http://palavracontemporanea.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Fealdade, emaranhada... Esse poema tá bem bonito! E a estética dele tá bacana também!

    []'s

    http://musikaholic.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  14. " A cada olha ruma recordação..."

    Nossa, amei, parabéns *-*

    http://bloggitando.blogspot.com

    Vou seguir *-*

    ResponderExcluir
  15. Lindo o jogo de palavras, o corpo do poema em si!

    Parabens :D

    Beijinhos

    ---
    www.jehjeh.com

    ResponderExcluir
  16. suas poesias são sempre lindas e sempre nos tocam quando lemos. muito bom mesmo. (:

    ResponderExcluir
  17. Gostei bastante do texto. Escreve muito bem. Pra mim, corpo e alma são um e mesmo plano donde emerge a subjetividade.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  18. gostei muito do poema !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    vc escreve muito bem!

    ResponderExcluir
  19. vc é uma verdadeira poetisa,hein.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  20. cética, certo?
    bom, legal.. o layout do blog tá mt bacana.. o texto nem se fala..
    talvez, seja muito complexo para minha cabeça, mas a segunda vez que li eu entendi melhor.
    abraço.

    ResponderExcluir
  21. Lindo, lindo! Se tu publicasses uma antologia, decerto haveria de comprar um exemplar.

    ResponderExcluir
  22. Como sempre suas poesias são excelentes!
    São dos olhares, momentos, lembranças e recordações que fazem nascer as melhores poesias.

    ResponderExcluir
  23. já falei de corpo e alma no meu blog, mas com um enfoque diferent, onde corpos somente corpos se unem, e onde só almas se uem, mas nenhum dos dois se encontram juntos entre duas pessoas

    ResponderExcluir
  24. "Meu porto é a esperança do corpo abandonar a solidão!!" Muito lindo isso. Vc escreve com alma.
    Obrigada pela visita e pelo comentário no meu blog. O endereço q vc me pediu http://templateparablogspot.blogspot.com/, quebrei um pouco a cabeça, mas consegui organizar tudo.
    Se precisar de mais alguma coisa é só falar, tá?
    Parabéns pelo blog. Bjo.

    ResponderExcluir
  25. Olá Marcela, obrigada pelo comentário, fico muito feliz que tenha gostado tanto desse post (sobre a cor cinza) qt do blog. Quanto a blusa SE NÃO ME ENGANO é blusa morcego. :)
    Já conhecia o seu blog, é muito bonito ( o layout e tb os post´s).
    Bjs ;* e volte sempre!

    www.priscilainfashionland.blogsot.com

    ResponderExcluir
  26. Senti os trechos, embora ainda não tenha capacidade para entendê-los perfeitamente como um todo. Li os outros posts e gostei muito da tua candura.

    www.alittledelving.blogspot.com

    ResponderExcluir
  27. Já vim xeretar! rsrs.
    Ficou muito legal! Precisando é só falar, tá?
    Bjo.

    ResponderExcluir
  28. Bom já havia comentado anteriormente, não tenho muito o que adicionar. Bom texto!

    ;*

    http://musikaholic.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  29. Lindo poema o jogo de palavras no corpo dele ficou incrivel e esse final ficou ótimo!

    ResponderExcluir
  30. Olá Marcela! Sou a autora do blog "Mundo Platônico" http://gabiiem.blogspot.com/

    Gostei do seu blog!
    Você escreve super bem!
    Parabéns! *_*

    Beeijos!

    ResponderExcluir
  31. Lindo texto, parabéns pelo blog.

    Acessa lá? www.catarseonline.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32. Oi, Marcela,
    Vc fala de mim, mas suas palavras encantam a alma como este poema.
    Gostei do seu blog e estou te seguindo.
    Bjos

    Mônica
    http://www.redenacional1.blogspot.com

    ResponderExcluir
  33. Por que poucas pessoas escrevem assim hoje em dia? *___*

    Vai do espirito á alma =D


    Bjaum!


    www.suportedamente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  34. Um belo texto, boa forma de expressão surreal e abstrata, lembram um pouco os meus de certa forma, porem sua subjetividade transborda a cada palavra, uma força inerente ao seu modo de controle dos signos lingüísticos, curti o texto


    http://bonecozumbie.blogspot.com

    ResponderExcluir
  35. que lindo texto .! teu blog tb é mtu lindo!
    quero te agradecer de corção pelo teu comentário no meu blog..e te dizer que foi um dos comentários mais lindos que recebi hj.. e é issu uma das coisas que me ajuda a escrever com o coração ali!
    que Deus te abençoe sempre! e que a criatividade nunk falte em sua vida!

    beijo

    ResponderExcluir
  36. nossa.
    mto bom o poema!
    adorei.. =]
    bjoss
    ate mais
    vou seguir
    Leticia

    http://novalexandrianet.blogspot.com

    ResponderExcluir
  37. "A cada olhar, uma recordação..."

    Muito profundo, é díficil encontrar autores assim atualmente...

    Parabéns...

    http://thepeixevoador.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  38. Em pensar que te ajudei no último verso...
    como as palavras espontâneas completam as concretas...são apenas reticencias que exprimem minha gratidão por seu talento distinto.
    Destas tantas escritoras que encontro blog adentro,você esta é uma poeta de palavras fortes,que tira dos lugares mais inexplorados as palavras que compõe tua poesia singular.Poeta,é assim que te considero.
    Parabêns,consegues ser única.

    ResponderExcluir
  39. Adorei o seu texto. Você escreve muito bem. Parabéns pelo blog. Abraço.

    ResponderExcluir
  40. Oi, Marcela,

    Encontro-te feliz na poesia e gosto disso.
    Lindas paisagens. Parabéns pelo espaço e por essas genuínas poesias.

    Bj

    ResponderExcluir
  41. Lindo blog, lindo texto,lindo sorrisso, tudo maravilhoso era só pra comentar ams vou seguir fielmente aqui! bjus!

    O melhor blog do meu .... Bairro agora está com novo layout
    http://blogdocharque.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  42. Bonito poema!
    Parabéns pelo blog, está muito bonito mesmo!!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  43. mtttttttt lindo parabéns , me segue aqui http://annasince94.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  44. Lindo texto Marcela...

    Parabéns
    Beijão
    Lucyano

    http://cinemaparceirodaeducacao.blogspot.com/

    ResponderExcluir

• Viva aos comentários reflexivos!